FARMÁCIA, VETERINÁRIA E COSMÉTICA

Há mais de 60 anos que mais de 50 empresas do setor farmacêutico, veterinário e cosmético confiam em nós para levar a cabo os seus projetos.
Graças a essa confiança, podemos assegurar a realização anual de mais de 100 projetos farmacêuticos de diversa índole.
Para realizar estes projetos, dispomos de uma equipa de trabalho especializada em projetos nesta área e um know-how acumulado ao longos dos anos.

ANTEPROJETO E DESIGN CONCEPTUAL

ESTABELECER CRITÉRIOS DE DESIGN

  • Norma a utilizar
  • Especificações do produto
  • Processo produtivo
  • Cálculos das necessidades
  • Maquinaria de processamento e serviços associados
  • Zonas necessárias (armazém, produção, escritórios, laboratórios, auxiliares de produção, etc.)
  • Lista de salas e exigências para cada tipo de sala
  • Parâmetros urbanísticos
  • Indicação de materiais adequados
  • Levantamento topográfico e estudo geotécnico

 

PLANO MESTRE, ESTUDO PRELIMINAR, AUDITORIA
CONVERTER O PLANO DE NEGÓCIOS EM INFORMAÇÃO PARA O DESIGN:

  • Produtos a fabricar (projeções)
  • Volumes
  • Sazonalidade: distribuição e consumo
  • Origem das matérias-primas e abastecimento
  • Descrição dos processos de fabrico
  • Armazenamento, envio e distribuição do produto acabado
  • Funcionários, turnos, etc.
  • Informação sobre o lote e os serviços disponíveis
  • Estimativa de investimento
PROJETO BÁSICO
DOCUMENTAÇÃO PARA LICENÇAS E TRÂMITES OFICIAIS:

  • Projeto para licenciamento de obras
    • Memória justificativa
    • Planos
    • Justificação da norma
  • Projeto para licenciamento ambiental
  • Projeto para proteção contra incêndios
  • Pedidos a empresas fornecedoras
  • Trâmites com residentes e comunidades
  • Orçamento fracionado (por capítulos)
  • Estimativa de planificação
PROJETO EXECUTIVO DE OBRA CIVIL, ARQUITETURA E INSTALAÇÕES
DESENHO PARA LICITAR E CONSTRUIR:

  • Documentação construtiva: detalhes das soluções construtivas de cada especialidade (arquitetura, estrutura, clima, líquidos, eletricidade, ITC, etc.)
  • Projeto para cada especialidade:
    • Memórias
    • Planos e esquemas
    • Cálculos
    • Planificação
    • Medições
  • Documentação de licitação:
    • Planos e esquemas com detalhes de construção por fases
    • Estado de medições com itens detalhados e comparáveis
    • Especificações das condições técnicas e administrativas
    • Planificação
ENGENHARIA DE EQUIPAMENTOS DE PROCESSAMENTO
DESIGN E INSTALAÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE PROCESSAMENTO:

  • Preparação dos requisitos do utilizador (URS).
  • Pesquisa de fornecedores.
  • Análise das propostas técnicas recebidas.
  • Relatório técnico comparativo.
  • Análise e validação dos protocolos de testes do fabricante (FAT e SAT)
  • Supervisão de testes FAT.
  • Supervisão de testes SAT.
PROJETO EXECUTIVO DE OBRA CIVIL, ARQUITETURA E INSTALAÇÕES
SELEÇÃO DO EMPREITEIRO E ADJUDICAÇÃO:

  • Decisão do número de lotes a licitar
  • Apoio e informação a licitadores
    • Informação idêntica a todos os licitadores
    • Esclarecimento de dúvidas
    • Visita ao lote
  • Comparação e revisão das ofertas, e solicitação de preços diferentes
  • Segunda fase de licitação para melhoria de ofertas
  • Comparação de ofertas
  • Recomendação de adjudicação
  • Apoio na elaboração do contrato e na sua negociação
DIREÇÃO DE OBRAS
CONTROLO DE QUALIDADE, CUSTOS E PRAZOS EM OBRA:

  • Gerir de forma ordenada os trabalhos, de modo a que sejam executados corretamente e nas devidas condições
  • Coordenar as obras para cumprir prazos e evitar interferências
  • Aprovação da documentação apresentada pelo empreiteiro
  • Revisão e validação das certificações antes de serem enviadas ao cliente
  • Controlo de qualidade de materiais e de execução
  • Controlo de custos e de planificação
  • Coordenação da entrega da maquinaria de processamento
  • Gestão da elaboração da documentação as built (referente à obra acabada), que será preparada pelo empreiteiro.
  • Entrega da documentação final da obra
FUNCIONAMENTO INICIAL E COMISSIONAMENTO
APOIO NO INÍCIO DAS OPERAÇÕES:

  • Elaboração da documentação para os trâmites da primeira etapa
  • Apoio aos fabricantes no funcionamento inicial da maquinaria
  • Apoio durante os testes
  • Criação de uma base de informações da obra (certificados, manuais,
  • recomendações de utilização e manutenção, planos, etc.)
TRÂMITES DE LICENCIAMENTOS E AUTORIZAÇÕES
OBTENÇÃO DE TODA A DOCUMENTAÇÃO PARA GARANTIR A LEGALIDADE DA ATIVIDADE:

  • Garantir que são cumpridos os requisitos legais e de licenciamento
  • Requerer certificados de cumprimento de especificações (legais, de qualidade, etc.)
  • Garantir a entrega de manuais e formação de pessoal
  • Entrega de documentação as built
  • Plano de manutenção
VALIDAÇÃO E QUALIFICAÇÕES
CONFORMIDADE FARMACÊUTICA DE GMP / GLP:

  • Plano mestre de validações (MV)
  • Qualificação da documentação (DQ)
  • Qualificação da instalação (QI)
  • Qualificação da operação (OQ)
  • Classificação de Desempenho (PQ)
  • Calibração

CONSULTORIA FARMACÊUTICA

AUDITORIA

ENTENDER PARA PREVER.
MEDIR PARA MELHORAR.

  • Plano geral de auditoria
  • Auditoria pontual ou periódica de áreas ou fases específicas
  • Auditoria e certificação de fornecedores
  • Auditoria de atividades subcontratadas a terceiros
  • Auditoria a sistemas de gestão
DESIGN CONCEPTUAL

OBTER A IMAGEM:

  • Design conceptual de produção (vertical, horizontal)
  • Diagramas processuais
  • Fluxos de material, pessoas e produto
  • Planificação das atividades
  • Estimativa de custos e de prazos
  • Exigências das BPF e requisitos legais
CUMPRIMENTO DE NORMA

CUMPRIMENTO:

  • Avaliação do grau de adequação à norma vigente
  • Desenvolvimento de alterações e adaptação à norma
  • Preparação da documentação para homologação oficial
SISTEMAS DE TELECOMUNICAÇÕES E INFORMAÇÃO

OPERAR CORRETAMENTE COM AS TIC:

  • Análise e design dos sistemas de informação
  • Direção de projeto de sistemas informáticos
  • Serviços de programação
  • Consultoria de telecomunicações
  • Auditorias de sistemas
  • Gestão de sistemas para o desenvolvimento de sistemas de informação
SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE E DO MEIO AMBIENTE

GESTÃO RESPONSÁVEL:

  • Diagnóstico do nível de cumprimento, relativamente a uma norma ISO 9001, ISO 17025, BPF, BPL, etc.
  • Avaliação de riscos ambientais
  • Integração no sistema de gestão dos requisitos exigidos em ISO 9001, ISO 14001, EMAS
  • Elaboração de manuais de qualidade, ambientais e de sistemas de controlo de documentação
FORMAÇÃO

APRENDER A OPERAR:

  • Conhecimento geral da norma
  • Familiarização com as BPF, BPL, normas de higiene, específicas de produto, armazenagem, produção, manutenção, etc.
  • Formação em sistemas de qualidade e ambientais.
  • Formação no desenvolvimento de sistemas documentais
  • Formação em TIC
Central Barcelona
Via Augusta, 4, 08006 Barcelona
Telefone: +34 932 17 56 54

Delegação de Madrid
Ribera de Loira, 46 · 28042 Madrid, Espanha
Telefone: +34 918 893 745